ESTREIA "WHEN VACAS FLY: OU QUANDO AS VACAS VOAM"

“Nem todos os fatos despertam a nossa curiosidade, mas, ocasionalmente, um fato torna-se suficientemente importante se a ideia nos atingir com tamanha força, e nos for tão próxima, que nos dê um desconforto decorrente de sua instabilidade e inconstância” (Alberto Manguel)



A curiosidade tem nos acompanhado há algum tempo, ela entra com a gente na sala de ensaio e não nos abandona quando saímos dela. Estar em um processo criativo é algo imersivo. Já nos pegamos conversando sobre a capacidade que as vacas têm de sofrer com as perdas e descobrimos muito sobre suas vidas ao longo desse ano. Ontem mesmo, ao compartilhar nosso processo criativo na UDESC, nos deparamos com a grande importância que esse animal parece ter para os franceses, e ficamos sabendo que uma fazenda russa está testando a utilização de óculos de realidade virtual para que as vacas pensem que estão em seu ambiente natural, com o intuito de melhorar a produção do leite (é verdade, inclusive segue aqui o link pra quem tiver interesse: http://abre.ai/vacarealidadevirtual).


Esse trabalho em torno da curiosidade e da improbabilidade tem nos mantido em um estado eterno de interrogação. Uma questão que leva a outra e assim, cria-se um ciclo inesgotável de perguntas.


Acreditamos em um processo que não chegue a um produto final, mas que esteja suscetível a transformações. E é nessa perspectiva que compartilharemos as inquietações que têm nos movido até aqui, entendendo esse momento de troca com o público como algo fundamental para as próximas curiosidades e questões que permearão este trabalho.



Muitos fios, duas cabeças, quatro cabeças, quatro braços, oito pernas, nenhum rabo. O espetáculo teatral "When vacas fly: ou quando as vacas voam" parte de diferentes inquietações que atravessam o cotidiano. Diante da impossibilidade de chegar em um fim quando se trata do ato de questionar, este trabalho é um amontoado de perguntas que não têm pretensão de serem respondidas. Duas vacas com cabeças de atrizes: um compartilhamento de questões, que geram novas questões. Curiosidades colocadas no corpo, que dançam as dúvidas sobre si, sobre o outro e sobre o hoje.


[O projeto "When vacas fly" é patrocinado pela Fundação Cultural de Balneário Camboriú, com recursos da Lei de Incentivo à Cultura]


Quando: 7 e 8 de dezembro, às 20h

Onde: Teatro Municipal Bruno Nitz (Balneário Camboriú)

Ingressos gratuitos, distribuídos com 1 hora de antecedência, na bilheteria do teatro.


Para mais detalhes, acesse: https://www.facebook.com/events/784200668674963/


-


Foto e teaser: Bolívar Alencastro

82 visualizações

LAS CAMALEOAS

acreditamos muito no compartilhamento de ideias e fortalecimento de redes. por isso, se quiser falar com a gente é só mandar um alô por aqui: fale com a gente.

e ainda, se quiser receber as atualizações do que estamos postando, deixa seu e-mail nessa caixinha ao lado. vamos adorar manter contato.

esperamos, de coração, que estejam bem e que possamos nos ver em breve!

quem puder, fica em casa.

VAMOS FORTALECER NOSSO CONTATO?

© 2019 | LAS CAMALEOAS. Santa Catarina, Brasil.